Bauru e grande região

Regional

Prefeitos devem continuar negociações com empresários em viagem à China

Convite para a visita ao país partiu dos dois investidores chineses que visitaram Agudos e Boraceia para conhecer o potencial econômico e geográfico

09/02/2018 - 07h00

Fotos: Gisele Peralta/Divulgação
Prefeito de Agudos recepcionou os chineses Marcello Song e Li Kay
Li Kay e Marcello Song recebem camiseta do prefeito de Boraceia

Até o mês de maio, os prefeitos de Agudos e Boraceia devem embarcar para a China com a missão de conversar pessoalmente com empresários e presidentes de empresas interessados em investir nesses municípios. O convite foi feito na quarta-feira (7), quando investidores visitaram a região para conhecer seu potencial econômico e geográfico.

Os empresários Marcello Song e Li Wing Kay, da Associação dos Empresários de Guangzhou do Brasil, vieram acompanhados do consultor internacional Francisco Freitas, diretor de empresa de consultoria em gestão empresarial, com sede em Campinas.

Eles conduzem negociações que envolvem a contratação de brasileiros para ensinar o segredo do futebol para crianças e adolescentes chineses. A área de alimentos também interessa aos investidores, já que a China possui mais de 1 bilhão de habitantes.

A primeira parada foi em Agudos, onde a comitiva foi recepcionada pelo prefeito Altair Francisco Silva. Eles assistiram vídeos sobre as características locais e, na sequência, conheceram as áreas disponíveis para a instalação de empresas chinesas. "Agudos entra agora na rota de investimentos internacionais", disse o prefeito.

INDÚSTRIAS

À tarde, os investidores conheceram Boraceia. O prefeito Marcos Bilancieri também exibiu vídeo sobre a cidade, destacando sua proximidade com o rio Tietê e a hidrovia. "Estamos à disposição para receber os investidores chineses", declarou.

Na sequência, Song e Li conversaram com dois empresários locais, produtores de suco de laranja e limão, que têm interesse em exportar, e visitaram indústrias que já exportam ou estão se adequando para levar seus produtos para outros países.

"Os empresários chineses voltaram com ótimas impressões das cidades. Excelente a receptividade e abertura que os prefeitos proporcionaram a eles. O convite para irem à China é o indicador do êxito da visita", avalia o consultor internacional.