Bauru e grande região

Regional

Operação integrada termina com 111 presos na área do Deinter-4

Policiais civis e militares cumpriram mandados de prisão criminal e civil em 76 municípios abrangidos pelo Departamento, com sede em Bauru

por Lilian Grasiela

14/09/2018 - 07h00

Samantha Ciuffa
Delegado Marcos Mourão e tenente coronel Daniela Cella fizeram um balanço positivo da operação nesta sexta-feira

Divulgação
Operação das Polícias Civil e Militar levou para a cadeia condenados e foragidos da justiça em Bauru e região

Operação integrada realizada nesta quinta-feira (13) pelas Polícias Civil e Militar em todo o Estado de São Paulo visando ao cumprimento de mandados de prisão em aberto resultou na detenção de 111 pessoas na região do Departamento de Polícia Judiciária do Interior 4 (Deinter-4), com sede em Bauru, que abrange 76 municípios. Em Botucatu, na área do Deinter-7, outras 21 pessoas foram presas (veja texto ao lado).

Do total de prisões, de acordo com o diretor do Deinter-4, delegado Marcos Buarraj Mourão, 65 referem-se a mandados criminais e outras 46 a mandados civis, por atrasos no pagamento de pensão alimentícia. Na região da Delegacia Seccional de Polícia de Bauru, foram cumpridos 39 mandados (20 civis e 19 criminais).

"Tivemos autores de roubo, furto, estelionato e tráfico de entorpecente. Foram 111 mandados de prisão cumpridos. Para um dia, é um número muito expressivo", avalia Mourão. "Unindo nossas forças, realmente tivemos uma eficiência grande e tiramos gente de circulação que já estava procurada por algum tempo".

Para a tenente-coronel Daniela Cella, comandante interina do Comando de Policiamento do Interior-4 (CPI-4), com sede em Bauru, o objetivo dessa operação foi atingido. "Além do policiamento preventivo e ostensivo que é realizado com a presença dos policiais, também foram cumpridos diversos mandados", diz.

"E é muito importante que seja feito um trabalho conjunto entre as instituições porque fortalece o trabalho de segurança e isso demonstra a força que as instituições possuem no combate à criminalidade".

JAÚ

Na área da Delegacia Seccional de Jaú, foram cumpridos 29 mandados (oito civis e 21 criminais). Somente em Jaú, foram 21 presos, entre eles cinco condenados a prisão em regime fechado por estupro, violência doméstica, tráfico de drogas e roubo e seis mandados de flagrantes convertidos em prisão preventiva.

Os policiais civis e militares também cumpriram na cidade sete mandados de prisão em desfavor de pessoas que estavam presas por outras condenações e cinco de condenados no regime aberto, que foram advertidos da necessidade de comparecerem em Juízo para a ciência das condições da medida.

Na região da Seccional de Lins, dois homens foram presos por pendências criminais. As demais prisões ocorreram nas Delegacias Seccionais de Marília (17 - sete civis e dez criminais), Ourinhos (15 - cinco civis e dez criminais) e Tupã (9 - seis civis e três criminais), onde também ocorreu um flagrante por tráfico.

OPERAÇÕES

O diretor do Deinter-4 ressalta que este tipo de operação irá se repetir com frequência. "Nós precisamos ter essa união porque o objetivo, tanto da Polícia Civil como da Polícia Militar, é o combate ao crime. Se você prende, você reprime o crime e afasta aquela situação de impunidade. Por isso que essas ações são muito positivas", declara.

Prisões em Botucatu

Na área da Delegacia Seccional de Botucatu, que pertence ao Departamento de Polícia Judiciária do Interior 7 (Deinter-7), com sede em Sorocaba, foram cumpridos durante a operação o total de 21 mandados de prisão - nove civis e 12 criminais. O trabalho contou com a participação de 37 policiais e oito viaturas.