Bauru e grande região

Regional

Polícia Civil prende suspeitas de planejar arrastão em Lins

As três presas frequentavam o imóvel onde ocorreu o crime

por Lilian Grasiela

14/11/2019 - 06h00

Lins - Na manhã desta quarta-feira (13), policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Lins (102 quilômetros de Bauru) prenderam três suspeitas de envolvimento em arrastão ocorrido no último dia 13 de setembro a uma residência no bairro Garcia onde eram realizados jogos de azar.

No dia do crime, três homens com os rostos encobertos e armados com facas entraram na casa, renderam cerca de 20 pessoas e roubaram celulares e dinheiro. Inicialmente, as vítimas alegaram que participavam de grupo de oração. Contudo, a Polícia Civil apurou que, no imóvel, funcionava um bingo.

Após investigações, a DIG, sob o comando do delegado João Pandolfi, descobriu que, entre os autores do roubo, estavam um morador de Avanhandava, de 36 anos, que está preso desde outubro por tráfico de drogas, e três moradoras de Lins, uma mulher de 46 anos e as filhas, de 21 e 27 anos. Segundo a polícia, elas eram "frequentadoras assíduas" do local e, além de planejar o crime, deram suporte ao grupo que veio de Avanhandava para executar a ação. As três tiveram as prisões preventivas decretadas à pedido do delegado. As investigações prosseguem para identificar outros envolvidos.

Ler matéria completa