Bauru e grande região

 
Regional

Terror em Botucatu: um dos assaltantes é morto em confronto

Homem de 40 anos foi baleado; outro criminoso foi detido e dezenas são procurados

por Bruno Freitas, Vitor Oshiro e Francisco Brunelli

30/07/2020 - 11h53

PM/Divulgação

Máscara e uma das armas recuperadas pela polícia

Um dos 30 criminosos que integram o bando responsável pelo ataque aos bancos do Centro de Botucatu (100 quilômetros de Bauru), palco de terror durante a madrugada, foi baleado durante um dos confrontos com a Polícia Militar (PM) e morreu, na manhã desta quinta-feira (30). Segundo o portal Acontece Botucatu, outro assaltante foi detido. Estima-se que dezenas de criminosos participaram desta ação que começou na noite desta quarta-feira (29) e seguiu até o início da manhã desta quinta (30).

Ainda segundo o site do município, fontes policiais esclareceram que os dois bandidos estavam escondidos em uma área de mata, entre um trecho da rodovia Marechal Rondon e o Recanto Azul, quando foram surpreendidos por viaturas policiais. Um deles foi baleado e chegou a ser socorrido com vida, mas morreu no hospital. A Polícia Científica já realizou a perícia no local.

Em nota, o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) informou que o Pronto-Socorro Referenciado recebeu três vítimas até o momento, sendo dois policiais militares (ambos com quadro de saúde estável) e o integrante da quadrilha, com cerca de 40 anos, que morreu logo após dar entrada, ferido por arma de fogo.

Os policias também foram atingidos por projéteis: um deles no braço e o outro no tornozelo. Os nomes, porém, não foram divulgados.

Foram apreendidos fuzis, veículos, dinheiro, coletes e munições, que estão sendo contabilizados e periciados. O grupo chegou a levar dinheiro de uma agência, cuja quantia não foi divulgada, mas a PM afirmou que parte do valor já foi recuperado.

LEIA MAIS:

Bandidos explodem bancos, fazem reféns e ferem policiais em Botucatu

Ler matéria completa