Bauru

Regional

Prefeito de Jaú faz apelo nas redes diante de superlotação de hospitais

'Não há mais leitos, os corredores estão lotados', alerta Ivan Cassaro, em vídeo publicado nas redes sociais da prefeitura

por Marcele Tonelli

10/06/2021 - 05h00

Facebook/Reprodução

Prefeito disse que em uma semana, atendimento de pessoas com a suspeita da doença aumentou de 60 para 180 por dia

Jaú - O prefeito de Jaú (47 quilômetros de Bauru), Ivan Cassaro, utilizou as redes sociais da prefeitura, nesta quarta-feira (9), para fazer um apelo à população em razão do aumento de atendimentos e internação por Covid-19 na cidade. O chefe do Executivo alerta que "não há mais leitos, os corredores estão lotados", considerando a realidade enfrentada pela Santa Casa de Jaú.

No vídeo, que possui 1 minuto e 58 segundos, Cassaro considera que a situação seja reflexo de uma terceira onda de casos que teve início nos últimos dias.

"Venho pedindo desde o comecinho do mês, gravei vídeos sobre a terceira fase da pandemia. Na semana passada, tínhamos 60 pessoas sendo atendidas por dia com suspeitas [de Covid-19]. E, hoje, temos 180. Ontem [terça-feira], foram internadas 23 pessoas, sendo que 19 eram da nossa cidade", aponta o prefeito.

"Não tem mais leitos, os corredores estão lotados. E os óbitos, infelizmente, vão começar a aumentar", completa o chefe do Executivo.

Ao cobrar a população para que não realize festas clandestinas e aglomerações, Cassaro alertou que poderá tomar medidas mais duras para restringir a circulação.

"Se continuar dessa forma, o comércio vai ser prejudicado. Vamos fazer estudos e ver também a necessidade das escolas, porque a contaminação vai indo muito rápido", pontua o prefeito.

"É difícil para mim, mas minha obrigação é cuidar da cidade, de vocês e evitar os óbitos. É difícil, mas nada é impossível", finaliza.

LEITOS

Segundo o JC apurou, a Santa Casa de Jaú possui, atualmente, 38 leitos de UTI e 55 leitos de enfermaria públicos para tratamento da Covid-19. Destes, 28 leitos de UTI são SUS e atendem Jaú e região, os outros dez são custeados pela prefeitura da cidade exclusivamente para moradores. Já do total de enfermarias, 25 são custeadas pela prefeitura e o restante é SUS.

No último boletim epidemiológico diário divulgado pelo poder público, nesta quarta (9), consta que a Santa Casa de Jaú possuía 53 pessoas internadas em UTI e 62 em enfermarias. O que significa que outros leitos foram rearranjados para atendimento da demanda causada pela doença, que tem sido superior à capacidade.

Também nesta quarta (9), o Hospital Amaral Carvalho possuía 8 pessoas em UTI e 6 em enfermaria. Já o Hospital de Campanha estava com 9 pacientes em suporte ventilatório e 11 em enfermaria. A prefeitura não informou qual a quantidade de leitos públicos que essas unidades oferecem para a Covid-19.

3 óbitos e 148 confirmações

O informe da Prefeitura de Jaú indica ainda que a cidade contabilizou mais 148 casos confirmados, de terça (8) para quarta (9), totalizando 10.910 pessoas infectadas ao longo da pandemia. No mesmo período, mais 3 óbitos foram contabilizados, sendo um deles de morador da região. Jaú totaliza até o momento 452 mortes provocadas pela Covid-19.

Ainda de acordo com o boletim, dois óbitos seguiam sob investigação, assim como outros 634 casos de pessoas que estão vivas, mas com a suspeita da doença.

Até o momento, Jaú contabiliza 9.588 pessoas curadas da Covid.

Ler matéria completa