Bauru

Regional

Incêndio atinge Serra de Botucatu

Fogo, que teve início neste domingo e pode ter sido causado por velas colocadas atrás de capela, retornou nesta segunda

por Lilian Grasiela

14/09/2021 - 05h00

Corpo de Bombeiros de Botucatu

Além do Corpo de Bombeiros, equipes da Bracell ajudam no combate ao incêndio

Botucatu - Um incêndio que começou neste domingo (12), na Serra de Botucatu (100 quilômetros de Bauru), às margens da rodovia Marechal Rondon (SP-300), na altura do quilômetro 240, e retornou nesta segunda-feira (13), mobilizou equipes do Corpo de Bombeiros e helicópteros, caminhões e funcionários da empresa Bracell. Somente no primeiro dia, cerca de 10 hectares foram queimados.

De acordo com os bombeiros, as chamas tiveram início atrás da capela de São Cristóvão. O local conta com um mirante e é considerado um dos principais pontos turísticos da cidade. "Há indícios de que a causa mais provável do incêndio seja velas que foram colocadas do lado externo da mureta, e atrás da capela, em uma espécie de pote", informa a corporação.

Ainda segundo os bombeiros, o fogo se propagou de forma rápida, tomando grandes dimensões e atingindo uma área de 10 hectares, em local de difícil acesso. Além de dois helicópteros, a Bracell disponibilizou duas equipes para auxiliar os bombeiros no combate às chamas. Nesta segunda-feira, novos focos de incêndio foram registrados na Serra de Botucatu.

Ontem, o fogo atingiu área de vegetação do lado oposto ao de domingo. Até o fechamento desta edição, a corporação ainda não tinha um balanço da área total que foi destruída. "Ainda há focos de incêndio, porém uma retroescavadeira da Bracell está fazendo aceiros (suprimindo faixas de vegetação para tentar impedir a propagação do incêndio) nas propriedades da região", disse os bombeiros.

Ler matéria completa

×