Bauru

Regional

Morre soldado da PM, 2.ª vítima fatal do capotamento em Avaí

Bruno Fernando Tunes ficou três dias internado em Bauru, em estado gravíssimo

por Larissa Bastos

13/10/2021 - 05h00

Polícia Rodoviária/Reprodução

Viatura ficou destruída por conta do acidente ocorrido sábado

Morreu, na manhã desta terça-feira (12), o soldado da Polícia Militar (PM) Bruno Fernando Tunes, de 31 anos, que estava internado no Hospital de Base de Bauru (HBB), desde o capotamento registrado no quilômetro 365 da rodovia Marechal Rondon (SP-300), em Avaí (39 quilômetros de Bauru), no último sábado (9).

Na data do acidente, o policial, que pertencia ao 12.º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep), com sede em Araçatuba, voltava de um curso na capital paulista na companhia de outros dois PMs - sendo um também do Baep e outro do 28.º BPM-I, com sede em Andradina. Eles foram arremessados para fora do veículo.

O soldado foi socorrido e estava internado em estado gravíssimo desde então. Porém, de acordo com o 28.º BPM-I, o policial teve a morte encefálica decretada na segunda-feira (11). O mesmo acidente também vitimou o 2.º sargento do 12.º Baep, André Luís Ciolin, de 41 anos, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local dos fatos. Já o cabo Guilherme Yoshio Obana Belizario, de 34 anos, do 28.º BPM-I, continua internado em estado grave em um hospital particular de Bauru.

O velório será na sede do Comando de Policiamento do Interior-10, na rua Capitão Alberto Mendes Junior, 238, em Araçatuba. Já o sepultamento, no Cemitério da Saudade, em Birigui, no jazigo onde está o 2.º sargento César Tunes, pai de Bruno. Tunes é doador de órgãos e, devido ao protocolo médico para esse tipo de procedimento, os horários não foram definidos, informa o 12.º Baep.

 

Ler matéria completa

×