Bauru

Regional

Prefeitura de Agudos conclui obra para conter cheias no Rio Lençóis

Serviços executados com recursos do Estado contemplam o desassoreamento do leito e redimensionamento da calha do rio

por Lilian Grasiela

05/08/2022 - 05h00

Secretaria de Meio Ambiente de Agudos

Obra ocorreu em trecho do Rio Lençóis que passa por Agudos

Agudos - A Prefeitura de Agudos (13 quilômetros de Bauru) finalizou nesta semana obra prioritária de controle de cheias no Rio Lençóis, no trecho que corta a cidade, com objetivo de promover uma maior estabilidade de drenagem em épocas de chuvas intensas na região. A obra, executada com recursos do Estado, estava prevista no Plano de Gerenciamento de Águas (PGA) da Bacia do Rio Lençóis.

Segundo o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Lençóis (CBH-RL), os serviços executados pelo Executivo de Agudos incluem desassoreamento do leito e redimensionamento da calha do rio. "Essa obra vai de encontro ao compromisso do município de Agudos na gestão de riscos da bacia do Rio Lençóis e no controle de cheias em épocas críticas", afirma o secretário de Meio Ambiente de Agudos, Gabriel Machado.

"Essa região do Rio Lençóis sempre foi crítica em épocas de muitas chuvas. Com essa obra, a situação vai estar mais controlada, com o fluxo do rio mais equalizado. Através dessa obra executada, os riscos que existiam de ocorrência de eventos de sinistros nessa e em regiões a jusante vão diminuir muito".

O vice-presidente da Câmara Técnica do CBH-RL e especialista em recursos hídricos Sidnei Aguiar explica que obras como a que foi feita em Agudos são fundamentais para a gestão de riscos contra cheias na bacia hidrográfica. "É uma obra que estávamos discutindo dentro da Câmara Técnica há pelo menos três anos e que estava prevista no plano de bacia do Rio Lençóis", revela.

"O próximo passo, agora, será instalar uma estação de telemetria hidrométrica (sistema que faz a leitura em tempo real da vazão do rio em período de chuva) nesse local, pois a mais próxima dessa área em Agudos se encontra no município de Borebi. Vamos articular, via CBH-RL, junto às empresas da região que fazem parte do Comitê, essa viabilidade".

MAIS OBRAS

Aguiar ressalta que a obra em Agudos, executada com recursos do Governo do Estado, foi a primeira de muitas outras que virão com aportes de recursos da iniciativa privada, e que serão intermediadas pelo Comitê para viabilizar projetos de recuperação ambiental em pontos críticos da bacia do Rio Lençóis.

Ler matéria completa

×