Bauru

Saúde

Conheça os benefícios do rabanete

Auxilio na prisão de ventre e nos cuidados com a pele estão entre as vantagens

22/11/2021 - 11h19

Pixabay

O tamanho e a forma do rabanete variam, mas geralmente é encontrado mais redondo ou alongado

Originário da região do Mediterrâneo, utilizado como alimento medicinal e popular na medicina tradicional chinesa há séculos, o rabanete é consumido em saladas no Brasil e é conhecido por ser uma fonte de diversos nutrientes. Uma matéria veiculada no UOL explica os benefícios de se incluir o alimento no cardápio.

Além de ser pouco calórico (14 kcal a cada 100 gramas), essa raiz tuberosa possui cálcio, potássio, magnésio, fósforo, cobre, zinco e fibras antioxidantes como a vitamina C. E por conter esta última, esse vegetal contém como primeira qualidade fazer bem para pele. O nutriente retarda o envelhecimento, contribui com a formação do colágeno e neutraliza o estresse oxidativo. Com isso, protege a pele dos raios ultravioletas e radicais livres, e ainda, auxilia na cicatrização de feridas.

A segunda vantagem é a contribuição na digestão e prevenção da constipação, informa matéria do UOL. No caso da digestão, a hortaliça possui compostos com ação antibacteriana, inclusive contra  a bactéria ligada  a úlceras e câncer de estômago (Helicobacter pylori). Já na prevenção de prisões de ventre, as fibras melhoram a motibilidade intestinal, o que faz as fezes serem eliminadas com facilidade.

Como terceiro benefício estão a melhora na saúde cardiovascular e um controle da pressão arterial. O rabanete possui antioxidantes que previnem doenças cardiovasculares, como infartos e um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ainda, o seu potássio alivia a tensão nos vasos sanguíneos, contribuindo para diminuição da pressão arterial, justamente, por equilibrar a quantidade de sódio no organismo.

Em quarto lugar, a  vitamina C presente na hortaliça também fortalece o sistema imunológico, o que melhora a defesa do organismo contra infecções, gripes e resfriados. Por fim, como informa a matéria veiculada na UOL, o alimento aumenta sensação de saciedade por conter fibras e bastante água, que de maneira indireta, contribui para perda de peso.

Ler matéria completa

×