Bauru

Articulistas

Começo de novo ano

por João Álvares

07/01/2022 - 05h00

Os pastores foram às pressas a Belém e encontraram Maria, José e o recém-nascido deitado na manjedoura (Lc.2,16)... 1º de janeiro é uma data carregada de conotações profundamente humanas: início de um novo ano, o encontro dos pastores com o Menino Jesus, a maternidade divina de Maria, Dia Mundial da Paz... Ao começar o ano novo - 2022 -, a primeira atitude que devemos alimentar é da gratidão: dar graças a Deus pelo dom do tempo, que é o dom da vida, o dom fundamental... O começo do ano nos convida a pensar sobre nossa forma de ativar este "grande tesouro" que é o tempo. Deus nos concede este ano para que multipliquemos a vida, enriquecendo-a de sentido, qualidade e calor humano; é uma nova oportunidade que Ele nos concede para crescer e ajudar a crescer, para alcançar experiência nova de vida, de encontro com Ele, com os outros e conosco.

A festa da travessia para um novo ano é uma ocasião privilegiada para descobrir o que estamos fazendo com nosso tempo... Podemos estar desperdiçando ou perdendo aquilo que nos foi dado. Pensa, crê, sente e ama de maneira diferente, aumenta as distâncias, cria muros de proteção que dão uma falsa sensação de segurança e paz... Nunca se investiu tanto em segurança e, no entanto, a cultura da paz está cada vez mais esvaziada... Ah, se recuperássemos o sentido do "Shalom" judaico! nessa palavra se encontra condensado todo o significado verdadeiro da paz... nessa palavra "Paz" tem conotações exclusivamente negativas: ausência de guerra.

Ausência de conflitos, de intrigas, etc...

Mas a expressão "shalom" se refere às realidades positivas: dizer "shalom" significa manifestar um desejo que Deus conceda a cada um todo o que necessita para ser autenticamente humano, incluída a presença mesma de Deus no interior de cada um... Paz reflete harmonia consigo, boas relações com os outros, aliança com Deus, enquanto a violência infecciona os relacionamentos, contamina na convivência, quebra as relações, exclui os mais fracos... É recordar todos os olhares amorosos que Deus foi depositando sobre você ao longo da vida...

Feliz ano de 2022, cheio de Deus! Recuperamos o sentido do "Shalom". E é bom que, diante do novo ano, peçamos ao bom Jesus muito shalom para todos os nossos leitores.

O autor é poeta e escritor (Piratininga).

Ler matéria completa

×