Bauru

Coluna Animal

Outubro Rosa Pet

23/10/2021 - 05h00

A Coluna Animal dessa semana vai trazer a campanha Outubro Rosa Pet inspirada na campanha mundial de prevenção e combate ao câncer de mama, doença que também atinge os nossos pets, em especial os caninos e felinos.

A Médica Veterinária Mariana Fernandes Jorge (@marifjorge), especialista em Oncologia, orienta que os pets devem ser castrados assim que atingirem a idade ideal e até mesmo antes do primeiro cio (castração pediátrica). Quanto mais cedo cães e gatos machos e fêmeas forem castrados, menor a chance de desenvolverem o câncer de mama. Outra coisa que deve ser evitada nas fêmeas é o uso de injeções anti-cio (anticoncepcionais), pois elas são altamente perigosas e também podem levar a cachorra ou gata a desenvolver tumor mamário. Por conta dos hormônios femininos (estrógeno e progesterona), o câncer de mama é mais comum em fêmeas, porém pode aparecer também em cachorros e gatos.

Uma coisa muito importante que os tutores devem fazer é, frequentemente, levar os pets para consultas de rotina com o Médico veterinário, pois somente esse profissional tem condições de avaliar o animalzinho para fazer o diagnóstico de possíveis doenças. Caso o tutor observe o aparecimento de caroços nas mamas ou secreção láctea com odor desagradável, leve imediatamente para uma consulta com um profissional para que esse animal seja avaliado e seja feito o diagnóstico e tratamento o quanto antes. Outra coisa que deve ser observada é se a cachorra está com sintomas da chamada gravidez psicológica (pseudociese), que é uma disfunção hormonal quando a fêmea está no cio e a cachorra fica chorando o tempo todo e até produzindo leite.

A castração, além de evitar tumores mamários e infecção do útero (piometra), ela também reduz a superpopulação de animais e as fugas - já que o pet não vai querer fugir de casa para castrar -, além de reduzir a agressividade e, também, a demarcação. Em compensação, aumenta a saúde e a longevidade de seu animalzinho.

Quem ama, leva o pet para castrar e fazer visitas periódicas ao veterinário! Faça esse gesto de amor por seu pet. Passe essa ideia adiante, incentive tutores de animais a levar os pets para castrar. A prevenção de doenças é sempre o melhor tratamento.

Thaís Viotto

Presidente do Conselho Municipal de Proteção e Defesa Animal (COMUPDA) e da Comissão de Proteção e Defesa Animal da OAB Bauru (CPDA OAB Bauru).

E- mail: [email protected]

https://www.facebook.com/comupda.bauru

Ler matéria completa

×