Bauru

Du Mauad Sports

De virada (e com festa) é mais gostoso!

16/05/2022 - 05h00

Comemoração do Noroeste

Teve até a emblemática “OLA”. Teve bexiga, bisnagão ou como queiram chamar a “alegoria” que enfeitou o Alfredão. Teve festa. E teve futebol. Muito futebol. O Noroeste venceu jogando bem o primeiro jogo da decisão da Série A3 do Campeonato Paulista. Foi 2 a 1 em cima do Comercial. De virada e de virada é mais gostoso. Todo mundo sabe...

O time de Ribeirão fez a melhor campanha. A última derrota no Campeonato havia sido aqui em Bauru, também por 2 a 1, no início de fevereiro, na 4ª rodada da fase de classificação. Com a vitória de sábado (14), o Norusca passa a ter a vantagem de jogar pelo empate no Palma Travassos pra garantir mais um título (o 5º) em Campeonatos Paulistas.

Mais de 5 mil noroestinos ficaram apreensivos quando logo no começo do jogo, Calixto falhou feio pra sair jogando e o bom Gustavo Silva abriu o placar pro “Bafo”. Se o Luiz Carlos Martins já teve trabalho pra escalar o time sem 5 jogadores (Egito, Carlinhos, Pereira, Jefferson e Jonatas Paulista), tomando o gol logo de cara a situação se complicava ainda mais. Mas que maturidade vem mostrando o Noroeste. Não se abateu. Não se desesperou. Comandou todo o 1º tempo, mandou bola na trave na cabeçada do Guilherme e chegou ao empate com o Diogo, após falha do goleiro (não foi falta). Não só pelo gol, mas o Diogo fez uma ótima partida. Só achei que poderia ir comemorar com a torcida...

Noroeste e a taça

Voltando do intervalo, LCM veio com 2 substituições que melhoraram ainda mais o Noroeste. Léo Couto e Bala entraram bem demais. Quem temia por uma queda na parte física do time viu a equipe de Bauru dominar ainda mais na segunda etapa. Pablo foi um espectador privilegiado. Assistiu ao jogo sem precisar trabalhar. Parabéns ao pessoal da Preparação Física: Dejair Ferreira (há muito tempo trabalhando junto com o Luíz Carlos Martins) e Guilherme de Paula. O Norusca literalmente amassou o Comercial. Domínio completo, bola na trave com o Hygor e o gol veio com o “iluminado” Luiz Thiago (em mais uma falha do goleiro do “Bafo”). Só não decidimos praticamente o título porque o chute do Léo Couto (numa enfiada precisa do Bala) encontrou o pé da trave. A 3ª bola na trave do Norusca no jogo. Foi bom demais. Fim de jogo e vitória de virada por 2 a 1. Festa maravilhosa da torcida com aquele efeito lindo das luzes dos celulares acesas. Coisa que a gente só vê porque o jogo é às 19h. Horário perfeito esse. Mais uma noite inesquecível no Alfredão.

Uma nova geração de noroestinos está sendo criada. Obrigado futebol!

PALMEIRAS: VITÓRIA TRANQUILA

Jogadores do Palmeiras

Só pra variar mais uma vitória do Palmeiras. Dessa vez sobre os “reservas” do Red Bull Bragantino. Foi um 2 a 0 relativamente tranquilo que faz o Verdão subir na tabela de classificação do Brasileirão. Gols de cabeça do Danilo e de pênalti do Raphael Veiga. Será que um dia o Veiga vai errar uma cobrança de pênalti?

E a tranquilidade continua na Libertadores. Líder folgado do seu grupo (talvez o mais fácil da competição), na quarta (18), enfrenta o Emelec na Allianz Arena em busca de mais uma vitória pra confirmar a melhor campanha entre todos os classificados.

CORINTHIANS: AMANHÃ TEM O BOCA JRS.

Raul e outros jogadores do Corinthians

No sábado (14), o Timão arrancou o empate por 2 a 2 contra o Internacional, pelo Brasileirão. O Corinthians saiu satisfeito do Beira-Rio, até porque só buscou o gol quando estava atrás no placar. Tomando um sufoco desde o começo do jogo, o Corinthians sofreu o primeiro gol na metade do primeiro tempo, mas logo em seguida conseguiu o empate em um escanteio com Raul Gustavo. Depois disso voltou a sofrer com o ataque do Inter e aos 45’ tomou o segundo gol. Voltando pro segundo tempo, o Timão foi muito superior até os 20 minutos, quando empatou o jogo com Jô, numa assistência linda do Mantuan. Empate que garantiu a liderança.

Amanhã tem Libertadores. Jogo enorme. Boca Juniors em La Bombonera. O técnico Vítor Pereira que parece começar a ter o “time na mão”, deve colocar força máxima pra trazer pelo menos o empate, resultado que encaminha bem a classificação pras oitavas de final.

DJOKO: TÍTULO EM ROMA E 1.000 VITÓRIAS

Novak Djokovic

O atual número 1 do mundo do tênis (mesmo sem poder jogar o Australian Open), Novak Djokovic venceu o grego Stefanos Tsitsipas por 2 sets a 0 (6/0 7/6) neste domingo (15) e se tornou hexacampeão do Masters 1000 de Roma. O sérvio já havia sido campeão no saibro italiano em 2008, 2011, 2014, 2015 e 2020. Este é o 38º título de Masters 1000 de Djoko, o maior vencedor desse tipo de torneio, dois a mais que o espanhol Rafael Nadal.

No sábado, o número 1 do mundo comemorou mais um feito histórico ao completar a 1000ª vitória da carreira na semifinal contra o norueguês Casper Ruud. Apenas outros quatro tenistas tem o mesmo feito no "clube dos 1000": o americano Jimmy Connors (1274 vitórias), o suíço Roger Federer (1251), o tcheco Ivan Lendl (1068) e o espanhol Rafael Nadal (1052). Djoko chega entre os favoritos pra conquistar Roland Garros.

MOMENTO MAGUILA

O SALVE de hoje vai pra duas famílias de noroestinos. A família Gimenes, que há décadas leva o famoso amendoim e a paçoca pro Alfredão, com o Seu Guilherme, o filho Paulo e agora o neto Pedro Paulo.

Um grande abraço também pro Rinaldo Andrucioli, noroestino fanático e tio do locutor da Jovem Pan, meu amigo Júlio César.

Assista as entrevistas e se INSCREVA no DU MAUAD Sports no Youtube

Contato: @dumauadsports (Instagram) [email protected]

Ler matéria completa

×