Bauru

Reflexão e Fé

Gaslighting

19/09/2021 - 05h00

Gaslighting é uma manipulação, é um abuso psicológico sobre o outro a fim de que ele se sinta inferiorizado, culpado, inseguro, vulnerável sendo conduzido absolutamente ao ponto de dominação. Gaslighting é uma maldade, uma distorção da verdade que faz com que a pessoa pressionada pense que está 'louca'; faz com que ela confunda as realidades. O usuário de 'gaslighting' confirma coisas que não aconteceram e desmente acontecimentos reais. O termo se originou de uma peça de teatro (1938), de Anthony Walter Patrick Hamilton, 'Gas Light', em que a vítima é manipulada psicologicamente numa relação conjugal abusiva, fazendo-a duvidar de suas próprias percepções da realidade, levando-a ao estado de enlouquecimento.

O texto de Moshe Goldenberg aplica com precisão o estado de 'gaslighting' na qual estamos vivendo: "As informações que recebemos através da mídia é totalmente diferente do que vemos com nossos próprios olhos. Mas quando questionamos a falsa realidade que nos apresentam, somos vilipendiados como racistas, intolerantes ou simplesmente loucos. Você não é racista. Você não é louco. Você está sendo manipulado. [...] Vemos manifestações com saques de lojas, quebra de vidraças, carros e prédios '(Mackenzie SP)' queimando, mas somos informados de que essas manifestações são protestos pacíficos e legítimos, não motins e, 'que antidemocrático é a manifestação do povo brasileiro no 7 de setembro em favor da liberdade de expressão'. Então, perguntamos, estou louco? Não, isso é manipulação. O crime; assassinato, a violência de gangues, tráfico de drogas, tiroteios, assaltos à mão armada, destroem a sociedade, mas dizem que não é o crime, mas a polícia que é o problema. Se advogarmos por mais policiamento em detrimento das organizações criminosas, seremos acusados de radicais racistas. Então, nos perguntamos, estou louco? Não, isso é manipulação da realidade. Os países capitalistas são os mais prósperos do mundo, o padrão de vida é o mais alto. 'O mundo inteiro quer fazer turismo nos países capitalistas'. Vemos mais pessoas pobres subindo na escala econômica para a classe média e até mesmo para a classe rica por meio de seu esforço e habilidade nos países capitalistas do que em qualquer outro sistema econômico do mundo, mas somos informados que o capitalismo é um sistema opressor projetado para manter as pessoas 'inferiores na pobreza'. Então, nós nos perguntamos, estou louco? Não, você está sendo manipulado. Os países comunistas mataram mais de 100 milhões de pessoas no século 20. Os países comunistas privam seus cidadãos dos direitos humanos básicos, ditam todos os aspectos de suas vidas, tratam seus cidadãos como escravos e derrubam suas economias, mas somos informados de que o comunismo é um sistema econômico justo, equitativo, livre e próspero. Então, perguntamos, estou louco? Não, isso é manipulação. Gaslighting tornou-se uma das táticas mais difundidas e destrutivas do mundo ultra moderno. Trata-se de mentiras e coerção psicológica, e não da verdade e do realismo social. Se você já se perguntou se você é louco, não é. Pessoas loucas não são sãs o suficiente para se perguntar se são loucas. Então, confie em si mesmo, acredite no que está em seu coração e valores. Confie em que os seus olhos enxergam. Nunca dê ouvidos às pessoas que dizem que você é louco, porque você não é, querem lhe manipular".

O grande apóstolo Paulo afirmou: "Tende cuidado para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens" (Colossenses 2.8). Manipular gente é tratá-las como coisas ou objetos, com o propósito de dominá-las e explorá-las. O Diabo manipulou o primeiro homem. Tentou manipular a Cristo usando meias verdades. O manipulador se faz até de 'vítima' quando na verdade quer dominar uma situação. A manipulação desvia a verdade para o lado que lhe interessa, torce o sentido da realidade, 'com cara de bondade' induz, ilude, engana, oprime sutilmente. Quer impedir a capacidade do raciocínio, o exercício do pensamento, a liberdade da expressão. O dinheiro manipula, o poder manipula, a religião manipula, a política manipula, as ideologias manipulam, a mídia manipula. Chegamos ao ponto no Brasil que usar a bandeira como sinal de patriotismo é ser rotulado de retrógrado, opressor, antidemocrático. Inversão de valores. O certo como errado e vice versa, como se fossem articulações inquestionáveis - 'lavagem cerebral'. O evangelho de Cristo é radicalmente contrário a qualquer tipo de manipulação. O evangelho de Cristo preza pela plena liberdade. O evangelho de Cristo é estruturado na verdade, respeito e justiça. Se você é um cristão mantenha-se homogêneo aos valores de Cristo em sua Palavra, você não está louco.

Hugo Evandro Silveira

Pastor Sênior - Igreja Batista do Estoril.

E-mail: [email protected]

 

Ler matéria completa

×