Bauru e grande região

 
Reinaldo Cafeo

Efeito Covid-19: aumento nas falências

07/06/2020 - 05h00

Segundo dados da Boa Vista os pedidos de falência no Brasil subiram 30% em maio em relação a abril e os pedidos de recuperação judicial saltam 68,6% no mesmo período. É um processo longo até chegar a este patamar, mas a paradeira devido a quarentena potencializou, principalmente as recuperações judiciais. Tempos difíceis para o mundo dos negócios.

Produção industrial em queda

O mês de abril trouxe queda no desempenho da indústria brasileira: (-) 18,8% se comparado ao mês de março deste ano. A indústria nacional derreteu. Como é um setor com grande capilaridade com outros setores da economia, as consequências são: queda no nível de atividade econômica e agravamento no desemprego. E o pior ainda está por vir, infelizmente.

Hora de administrar melhor seu dinheiro

Entre vários aprendizados que a quarenta trouxe, sendo que para boa parte das famílias implicou em redução de renda, um deles é que é hora de administrar melhor seu dinheiro. Aqueles que foram obrigados a diminuir seu nível de atividade constataram com é importante possuir excedentes financeiros. Se não fizemos a lição de casa no amor, que seja na dor.

Como gerar excedentes

Sempre defendi o método 50, 15 e 35. Este método indica que devemos gastar no máximo 50% da renda mensal nos bens e serviços chamados de essenciais, 15% devem ser canalizados para prioridades financeiras e 35% para bancar seu estilo de vida. Quem guardou 15% da renda nos últimos 12 meses e começou do zero em termos de poupança, acumulou 1,8 vezes a renda mensal. Veja que estimamos somente 12 meses de esforço para guardar dinheiro. Quem fez a lição de casa atravessou a pandemia mais tranquilo. Se a renda caiu 30% neste período a pessoa suportaria 6 meses sem reduzir o padrão de vida.

Mas é mais

O excedente pode representar mais do que 6 meses de folga. Se considerarmos que boa parte dos gastos com estilo de vida foram suspensos neste período, afinal mudamos o hábito de consumo neste momento, talvez a folga financeira atinja de 10 a 12 meses. Considerando que em algum momento a renda voltará, está comprovado que vale todo esforço para poupar parte da renda.

Um novo olhar na hora de consumir

Além de constatar a necessidade em poupar, também a pandemia nos ensina diariamente que devemos ter um novo olhar sobre o consumo. Ao longo do tempo incorporamos em nosso dia a dia uma série de produtos e serviços que podemos viver sem consumi-los. É que podemos denominar de olhar seletivo sobre aquilo que compramos e o quanto nos traz ou não satisfação.

Mude já, mude para melhor!

A liderança nasce quando seus atos são positivos, sua fala é ouvida e seu exemplo é seguido. Quando prevalece o interesse pessoal e falta o senso coletivo, aqueles que comandam qualquer setor da sociedade, somente são reconhecidos pelo cargo tem e não pelo que efetivamente é. De olho nos oportunistas de plantão. Sempre é tempo para mudar. Mude já, mude para melhor!

Ler matéria completa