Bauru e grande região

07/09/2019 - 06h00

Concessão

O prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD) vai mandar para a Câmara projeto de lei para autorizar a concessão ou Parceria Público Privada (PPP) do transporte e destinação final do lixo de Bauru. O projeto começa a tramitar a partir de segunda-feira (6) e também dá autonomia para que o município faça parceria com agências reguladoras para a fiscalização.

Moldes

O pedido deve ser bastante discutido pela Câmara, até porque cita também o transporte, feito no momento pela Emdurb. No mais, o projeto ainda não especifica detalhes de como funcionará a concessão ou parceria. Até mesmo o modelo de PPP patrocinada, a qual é cobrado diretamente da população com taxas, é possível. A definição só deve acontecer no ano que vem pela prefeitura, após conclusão de estudo.

Resíduos

Ainda neste assunto, o vereador Coronel Meira (PSB) pediu informações pelo Artigo 18 a respeito do volume de material reciclável e de resíduos de construção civil levados aos Ecopontos. Já Pastor Luiz Barbosa (PRB) quer saber o quanto foi pago para a Emdurb pela coleta e aterro entre 2011 e 2014.

Aluguel

Coronel Meira também pede pelo Artigo 18 a finalidade de locação de um imóvel pelo município na Vila Camargo e o processo para eventual locação de imóvel para a Banda Sinfônica. O vereador Fábio Manfrinato (PP) usou o mesmo recurso para pedir detalhes sobre com quais empresas prefeitura, DAE e Emdurb mantém contrato de aluguel de máquinas.

No Base

O deputado estadual Dirceu Dalben (PL) esteve em Bauru nesta sexta-feira (6) para audiência pública do Orçamento do Estado, na Câmara Municipal, e depois foi com o vereador Sandro Bussola (PDT) ao Hospital de Base (HB) para conhecer os novos leitos inaugurados nesta semana, os quais reivindicou junto ao Estado.

Iluminação

A prefeitura abriu licitação para contratar a empresa que fará o estudo de modernização da iluminação da avenida Nações Unidas, Parque Vitória Régia e avenida Nuno de Assis. O pregão acontece dia 19 de setembro. A proposta é fazer a troca das lâmpadas atuais pelas de LED. A troca ocorreria antes da concessão ou PPP voltada ao setor.

Ampliação

A colocação de novos 800 pontos de iluminação pública em regiões ainda sem o benefício está prestes a começar, após a Secretaria de Obras concluir licitação, já homologada. A empresa Potencial Elétrico Serviços de Iluminação foi a vencedora, pelo valor de R$ 534.200,50.

 

Ler matéria completa