Bauru e grande região

01/11/2019 - 04h31

Demissão na USP

A coluna apurou ontem à noite, quase no fechamento desta edição, que a USP demitiu o professor Gerson Alves Pereira Júnior, um dos idealizadores do currículo do curso de medicina da universidade em Bauru. A demissão seria resultado de um processo administrativo que investigava uma ocorrência com um aluno durante uma aula do professor. Ontem à noite, a notícia gerou movimentação na comunidade acadêmica, cujas repercussões poderão ser mensuradas com mais precisão durante o dia de hoje.

Reunião na ARTESP

Comitiva formada pelo prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD), o vice-prefeito Toninho Gimenez (PTB), vereadores, secretários e a ViaRondon deve participar de reunião na Artesp, em São Paulo, nesta sexta-feira. O encontro foi marcado para tratar dos detalhes do projeto de construção do viaduto na avenida Cruzeiro do Sul sobre a rodovia Marechal Rondon.

Reação aos votos?

Votos favoráveis à abertura de Comissão Processante (CP) contra o prefeito teriam resultado em duas demissões de comissionados, nesta quinta-feira, sendo uma na Sear e outra na Semma. Este foi o comentário predominante no meio político, ontem. Os desligamentos teriam sido apenas comunicados, ou seja, não foram ainda publicados no Diário Oficial. Um dos demitidos teria sido indicação da vereadora Yasmim Nascimento (PSC); o outro de Mané Losila (PDT). O pedido de CP foi arquivado pela Casa.

Interdição no Centro

A interdição do Hotel Milanez, na quadra 2 da Rodrigues Alves, foi publicada no Diário Oficial de ontem. O estado de precariedade da edificação, com risco de queda de vidros ou pedaços da alvenaria no passeio público, podendo atingir pedestres ou veículos, embasou a decisão da Defesa Civil. Os moradores de rua que vivem no local, no entanto, são os mais ameaçados.

Ações urgentes

De acordo com a Defesa Civil, os proprietários devem a contratar um profissional habilitado na área para avaliação técnica da estrutura do prédio e apontamento de solução para os problemas, em caráter de urgência. O prédio foi erguido há mais de 100 anos e tombado pelo patrimônio histórico. Para dar uma solução para este problema antigo, a família tenta rever justamente o tombamento.

Paulo Skaf aqui

Está confirmada para a próxima sexta-feira, às 17h, a visita a Bauru do presidente da Fiesp, Paulo Skaf. Ele vai dialogar com empresários e entidades sobre os rumos do País, na sede do Ciesp. O restante da agenda ainda não foi confirmado. Vale lembrar que as obras do ginásio em construção pelo Sesi, próximo ao Horto Florestal, estão em andamento. Terraplanagem e estruturas pré-moldadas de concreto já foram iniciadas.

Ler matéria completa