Bauru e grande região

 

19/05/2020 - 06h00

Sindicância

O JC mostra hoje o resultado da sindicância a respeito de irregularidades denunciadas em cemitérios públicos de Bauru. A apuração feita pela Emdurb vai para o Ministério Público (MP) e ainda serão abertos processos administrativos na empresa municipal. Há três meses, as suspeitas de atos ilícitos foram reveladas, com exclusividade, pelo JC.

Cobrança

Na Câmara, o vereador Coronel Meira (PSL) já se posicionou. Ele pediu a cópia completa da sindicância, com depoimentos e documentos, através do Artigo 18 de Lei Orgânica. Meira entende que, se comprovadas as fraudes, a Emdurb e a Justiça terão que punir, e considera que a Câmara pode atuar diretamente na apuração. Leia mais na página 3.

Esperando

Segue sem novidades a situação do Hospital das Clínicas (HC) de Bauru. A expectativa do presidente da Famesp, Antonio Rugolo Júnior, era de que o Estado assinasse nesta segunda (18) o convênio com a entidade, que já contratou 130 funcionários para o HC. Também segue sem assinatura o protocolo de intenções junto à USP, que cede à Saúde do Estado temporariamente o predião. A ativação do hospital depende dos dois documentos. Em nota, o Estado se limita a dizer que a abertura do HC segue em definição.

Pré-candidatos

O PDT anunciou ontem que tem dois pré-candidatos a prefeito. Podem concorrer José Xaides de Sampaio Alves, professor da Unesp e que já foi secretário de Planejamento, e Josué Lopes Moreira Filho, ex-gerente do INSS em Bauru. Moreira, aliás, chegou a ter convite do PV para disputar a prefeito, mas optou em se filiar ao PDT.

Comércio

A vereadora Chiara Ranieri (DEM) apresentou projeto para transformar o Plano Estratégico do Comércio, elaborado pelo Sincomércio, em lei. A proposta está na pauta da sessão extraordinária da Câmara Municipal de amanhã. O Plano está também na edição de hoje do JC, na página 4.

Cassação

O advogado Eduardo Borgo entrou com pedido de cassação do mandato do prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSDB). O pedido de Comissão Processante (CP) vai ser lido no começo da sessão da Câmara. O primeiro escalão do governo municipal assinou uma carta de repúdio, que está nesta página (tribuna do leitor).

Tingo

Morreu ontem Emilson Fátimo Ferreira, mais conhecido como Tingo, que foi candidato a vereador em Bauru pelo MDB em 2012. Ele era conhecido pela irreverência. O corpo de Tingo foi sepultado ontem, no Cemitério da Saudade.

 

Ler matéria completa