Bauru e grande região

 

20/05/2020 - 06h00

Sessão virtual

A Câmara Municipal terá sessão extraordinária virtual, hoje, às 13h. Na pauta, em primeira discussão, o projeto de lei da vereadora Chiara Ranieri (DEM) com o Plano Estratégico de retomada de atividades comerciais e de serviços. A proposta é originária em plano do Sincomércio e estabelece duas etapas e condições para a abertura das empresas.

Processante 1

No começo da sessão, será votado o pedido de abertura de Comissão Processante (CP) feita pelo advogado Eduardo Borgo para a cassação do prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSDB). Ontem, o vereador Coronel Meira (PSL) manifestou seu voto, afirmando que votará a favor da abertura. Meira e Borgo são agora da mesma legenda.

Processante 2

Já o líder do governo na Câmara, vereador Markinho Souza (PSDB), acredita que a maioria dos parlamentares votará contra a abertura. Ele teve conversas ontem com alguns vereadores, que disseram ver argumentos subjetivos para a cassação. Outros citaram que o momento é de focar no combate ao coronavírus, que segue avançando.

CEI da ETE

O vereador Manoel Losila (MDB), presidente da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que apura os problemas na obra da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Vargem Limpa, afirma que há o interesse em retomar as reuniões, de forma virtual. Ainda está sendo avaliado se esta possibilidade é viável. O presidente da CEI da Cohab, vereador Natalino da Silva (PV), diz que esta não tem ainda previsão para voltar.

Teve Alta

O deputado estadual Ricardo Madalena (PL), de Santa Cruz do Rio Pardo, teve alta ontem do Hospital da Unimed de Bauru. Ele estava internado desde a semana passada, após sofrer um AVC. O parlamentar foi socorrido inicialmente em uma UPA de Santa Cruz e depois transferido para o Hospital da Unimed.

Redução

A arrecadação municipal segue caindo. O terceiro repasse do ICMS de maio foi de apenas R$ 1,4 milhão. No mesmo período do ano passado, foram R$ 2,2 milhões. Em abril, o tributo já tinha sofrido redução de 31% na comparação com março.

Despesas

O vereador Edvaldo Minhano (Cidadania) encaminhou pedido de informação para a prefeitura sobre as despesas da Prefeitura de Bauru, DAE e Emdurb com a pandemia de coronavírus. Até ontem, os gastos somavam R$ 11,8 milhões. Outra solicitação do parlamentar é com relação a merendeiras da rede municipal de ensino que foram cedidas ao Estado.

 

Ler matéria completa