Bauru e grande região

 

26/06/2020 - 05h00

Interpretação

O elogio feito a Bauru ontem pelo secretário estadual do Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, à forma como a cidade e a região conduzem as providências sanitárias no combate à Covid faz os mais otimistas imaginarem que Bauru não deverá recuar para a fase vermelha no anúncio de reclassificação do Interior que o governo do Estado fará ainda hoje.

Sem aumentar

Assim como a Prefeitura de Bauru já fez, a Câmara Municipal também retirou de tramitação o projeto de lei com o reajuste dos seus servidores. A Casa de Leis tinha proposto 4,01%, como reposição da inflação, e aumento no vale-compra em R$ 60,00, passando a R$ 660,00. Como a pandemia afetou a arrecadação municipal, a Câmara não concederá reajuste aos funcionários.

Conflituoso

O vereador Coronel Meira (PSL) mostra indignação com a participação da empresa Arcadis no processo de licitação do DAE para contratar o Acompanhamento Técnico de Obra (ATO), gerenciamento e fiscalização da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Vargem Limpa. A Arcadis foi a projetista da obra. Para o parlamentar, apesar de legalmente a empresa poder concorrer, será complicado mostrar erros no projeto que ela mesma desenvolveu e vem causando problemas na construção, caso seja a vencedora da disputa.

Rotatória

O vereador Miltinho Sardin (PTB) voltou a cobrar melhorias na rotatória do Relógio de Sol, após o viaduto da continuação da avenida Duque de Caxias, no acesso para a Vila Falcão e Independência. A prefeitura já apresentou um projeto na Câmara, no ano passado, mas nenhuma melhoria foi realizada até o momento.

Proposta

O projeto da Seplan e Emdurb é para fechar parte da rotatória, e aumentar o retorno perto da base da Polícia Militar. Estão previstos dois novos semáforos e a abertura de uma rua paralela à avenida Castelo Branco, que terá mão única nas quadras iniciais. O projeto foi mostrado aos vereadores Manoel Losila (MDB), Markinho Souza (PSDB) e Carlinhos do PS (PTB), na Comissão de Obras, em agosto do ano passado.

As prioridades

O secretário de Obras, Sidnei Rodrigues, afirma que vai mandar ofício ao Sesi para obter informações sobre a construção do ginásio perto do Horto Florestal. Caso a entidade confirme a retomada da obra, a pasta vai priorizar os acessos por lá, em compromisso feito com o Sesi. Contudo, se esta obra não for retomada rapidamente, a prefeitura vai priorizar as mudanças na rotatória do Relógio de Sol.

Ler matéria completa