Bauru e grande região

 

21/11/2020 - 05h00

Cancelou

A candidata Suéllen Rosim (Patriota) cancelou a participação que faria na noite de ontem na sabatina da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos (Assenag). Ela mandou um aviso horas antes do encontro. Na quarta-feira (18), Raul Gonçalves Paula (DEM) já havia sido sabatinado pela entidade.

Conflito

Em documento enviado para a Assenag, Suéllen disse que não poderia comparecer por causa de "compromissos inicialmente não previstos e urgentes, coincidentes com o horário então agendado". Ela agradeceu o convite e lamentou a necessidade de cancelamento. Já a entidade, em nota, criticou a postura.

'Desrespeito'

Na nota, a Assenag "lamenta a postura da candidata a prefeita de Bauru, Suéllen Rosim (Patriota), em desrespeito à classe técnica dos engenheiros, arquitetos e agrônomos de Bauru, ao suspender sua participação na sabatina Assenag nas Eleições 2020 poucas horas antes do início do evento. Esclarecemos que a data de participação foi definida de forma antecipada, ética, através de sorteio e mediante a presença dos representantes, mas a candidata não honrou com o compromisso assumido", afirma a entidade de classe.

Apoio

O Republicanos apoiará o candidato Raul Gonçalves Paula no segundo turno. A definição ocorreu na tarde de ontem, informa o presidente municipal da legenda, Edu Avallone. Ele é o primeiro candidato a prefeito que encerrou participação no primeiro turno a declarar apoio formal a um dos concorrentes. Outras legendas, como PSDB, PT e PSB optaram pela neutralidade. O Podemos e o PSC discutem suas posições.

Oposição

O PT teve reunião na noite de ontem e além de decidir pela neutralidade no segundo turno, conforme o JC já tinha antecipado, afirma que será oposição ao governo municipal que vencer o pleito, independente do resultado, uma vez que os dois candidatos tem perfil conservador e neoliberal, cita nota da legenda.

Debates

Os dois candidatos que estão no segundo turno fizeram o primeiro debate na quinta-feira (19), na TV Band Paulista. Em alguns momentos, aconteceram 'cutucadas' e provocações. Os debates seguem na semana que vem. O JC, 96 FM e OAB promovem um dos encontros, na quarta-feira (25), às 20h. Outro será na quinta-feira (26), às 20h45, em um 'pool' formado por JC, TV e Rádio Unesp, e TV e Rádio Câmara. Outros encontros devem ocorrer na 94 FM, TV Preve e TV Tem (afiliada da Rede Globo), durante a semana.

Ler matéria completa