Bauru e grande região

01/05/2021 - 05h00

Cerrado

Em visita a Bauru na quinta-feira (29), o deputado estadual Major Dimas Mecca (PSL) esteve nas instalações do HC e, de forma online, se encontrou com empresários. Na ocasião, o Ciesp apresentou pedido de revisão para a Lei do Cerrado, considerando que a norma como está engessa o crescimento da cidade e a expansão do parque industrial.

Esforços

Major Mecca se comprometeu a entrar em contato com a deputada Valeria Bolsonaro que, a pedido do Sincomércio, já apresentou Projeto de Lei neste sentido. Major disse que somará esforços junto a ela para dar andamento ao assunto, que hoje tramita por comissões na Assembleia Legislativa de São Paulo. O pedido é para que a lei admita, pelo menos, o uso de áreas de cerrado já fragmentadas na área urbana sob condição de compensação ambiental.

Solidariedade

Será realizado hoje o 'Primeiro de Maio Solidário da Classe Trabalhadora', para arrecadar alimentos e itens de higiene que serão doados às famílias que são assistidas pelo projeto De Grão Em Grão, de Bauru. O evento será em formato drive thru, das 8h30 às 13h, no Parque Vitória Régia. A ação é promovida pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e por outras entidades.

Hospitais

Depois de apontar, em fevereiro, a falta de plantões 24h no tratamento de hemodinâmica no Hospital de Base de Bauru, o vereador Júnior Rodrigues (PSD) acompanhou, nessa semana, a instalação de um novo equipamento no Hospital Estadual. Com o conserto da máquina que estava parada no Base, agora são dois aparelhos funcionando, segundo informou a Regional de Saúde ao vereador.

Ao vice

A vereadora Chiara Ranieri (DEM) apresentou diretamente ao vice-governador, Rodrigo Garcia, Moção de Apelo de sua autoria para que o Governo do Estado reconheça os profissionais de Educação Física como trabalhadores de Saúde e, também, academias de esportes como prestadoras de serviços da área de Saúde, para uso das definições do Plano São Paulo.

Oitivas

Termina na próxima semana a fase de oitivas da ação que tramita na Comissão de Ética do Legislativo de Bauru que apura denúncias sobre o presidente Markinho Souza (PSDB), com relatoria de Júnior Rodrigues (PSD). As últimas testemunhas devem ser ouvidas na quarta-feira (5), quando o vereador Júnior deve dar início ao relatório.

Adiantada

Mais adiantada, a outra ação que tramita na mesma Comissão e apura denúncia contra o Pastor Edson Miguel (Republicanos), com a relatoria de Pastor Bira (Podemos), não deve ouvir mais ninguém. A previsão é que o relatório seja concluído e apresentado à presidência da Comissão na próxima semana.

Ler matéria completa