Bauru

07/12/2021 - 05h07

Esqueceram de nós

A entrega de uma grande obra – o ginásio do Sesi, na sexta passada, gerou uma dor de cabeça para o presidente do Legislativo, Markinho Souza (PSDB), com reflexos que, aparentemente, ainda puderam ser vistos na sessão legislativa desta segunda (6). O motivo? Markinho teria sido o único vereador convidado a participar do evento.

Intransferível

A cobrança sobre o presidente foi tão grande, e a revolta de alguns vereadores por não terem sido convidados foi tanta que houve até quem se assustasse ao passar pelos corredores do Legislativo. A situação delicada para o presidente não é para tanto, uma vez que ele teria sido convidado, mas a Câmara, como um órgão independente, não. Assim, como compartilhar o convite, que era pessoal?

Mais repercussão

Quem participou do evento, pela proximidade do partido com os organizadores do evento e com o próprio Paulo Skaff, presidente do Sesi, que comandou a inauguração, foram Guilherme Berriel e Mané Losila (ambos do MDB). Além disso, outra coisa que deixou os parlamentares ausentes revoltados foi o fato de políticos da região estarem presentes, enquanto eles ficaram de fora do evento.

Saúde preservada

O vereador José Roberto Segalla (DEM) se recuperava nesta segunda-feira (6) de uma cirurgia para colocação de prótese do quadril. Segundo sua assessoria, o procedimento foi muito bem-sucedido e o experiente vereador já se recuperava em sua casa, em Bauru, por isso não participou da sessão da Câmara, mediante apresentação de atestado médico.

Dança das cadeiras

A saída e as readequações de cargos em comissão da Câmara começaram desde que explodiram as suspeitas sobre o vereador Carlinhos do PS, mas não devem parar por aí. Por atos da Mesa, foram exonerados dois funcionários do gabinete do próprio vereador preso. Em outras duas decisões, a Mesa apenas trocou dois funcionários de suas funções.

Homenagem

A Câmara entregou, durante intervalo da sessão desta segunda (6), a Moção de Aplauso ao jornalista José Eduardo Amantini “pelos relevantes serviços prestados à frente do Escritório Regional de Desenvolvimento do Governo do Estado de São Paulo no município de Bauru”. A autoria da Moção foi do vereador Sérgio Brum (PDT), aprovada por todos os vereadores. Além de Amantini e sua esposa, também acompanharam a entrega o ex-deputado estadual Pedro Tobias e sua esposa Juliana Tobias.

Ler matéria completa

×